Resenha: Amarige (Givenchy)

Floral com um lado verde/fresco, tem o mesmo tamanho e peso que o Maracanã e raio de ação igual a baía de Guanabara. O lugar dele era os 80 mas foi lançado em 91. Se Poison, filho da mesma costela, transmite femme fatale e sexy via intoxicação dos brônquios, Amarige usa o mesmo recurso para comunicar diva decadente, maquiada demais, que ri alto mostrando o dente sujo de batom. Se o seu telefone é o trio elétrico, vá de Poison, e essa noite ninguém vai esquecer.

Amarige

Amarige, Givenchy
R$ 123,00 (30 ml)

Em todas as lojas. Mas por favor, não!

  • Demais esse. Meu telefone não é o trio elétrico, mas deu vontade de ser essa personagem criada aqui. Por uma noite. Com esse cheiro.

    • Enquanto escrevia me dei conta que era uma boa personagem de halloween, com o cabelo bem alto, procurando olhares para ser reconhecida e com o perfume, claro.

  • Aniele

    Ai gente…tenho uma amiga que usa esse perfume e sei lá…ela não é desse jeito não. (risos)
    Uma vez, conversando, descobri que ele é um “perfume para noiva” e sua tampa é inspirada numa manga de vestido de noiva. (Realmente, se ele tivesse sido lançado nos anos 80 teria mais sentido pois as mangas de vestidos de noiva nessa época eram assim mesmo…) Não sei o que a pessoa quis dizer com isso mas o que eu entendi das notas do dito cujo é que ele não deve ser usado em dias quentes pois sufoca quem está perto.
    Essa amiga minha é totalmente centrada, reservada, maquiagem é algo irrelevante em suas coisas…vai saber o que tem debaixo…:p

    • Dênis Pagani

      Aniele, uma amiga diz que o seu perfume É você ainda mais que a roupa que se usa. Por ser invisível e sutil quem escolhe fica mais a vontade para dizer o que quer dizer de fato. Gostei dessa história de sua amiga — mas não consigo gostar do perfume dela! 😉

      já ouvi essa história sobre o casamento, ao que parece o nome é uma brincadeira com as letras de Mariage.

      • Aniele

        Rs…sabe..eu tbm nao curto o perfume dela…rs

  • Eu já havia lido este post, mas voltei (mil anos depois) para comentar.

    Tenho a estranha tendência de gostar dos perfumes polêmicos. E não é porque eu sei que eles são polêmicos e decido gostar para ser do contra. Não. Eu os conheço, os amo, e só depois é que fico sabendo que uma multidão os odeia. Hahah…

    Conheci o Amarige por volta dos 15 anos e foi amor à primeira cafungada. O seu perfume me traz a sensação de uma sensualidade assustadoramente feminina e feminista. É quase um protesto em prol das mulheres.

    Lembro que tive essa impressão logo na primeira vez que senti o Amarige. Isso aconteceu lá por volta dos meus 15 anos. Hoje eu tenho 28.

    Esse tipo de cheiro em que você sabe exatamente o que pensa dele no primeiro segundo, e que não dá para esquecer da primeira impressão que se teve, não é um perfume qualquer. É um perfume para levar consigo a vida toda!

    • Haha, dei uma risada aqui com vc gostando dos perfumes polêmicos, Maná! imaginei alguém usando Amarige, Poison, Kouros, Insolence, Angel, Aromatics Elixir, Rush e tudo mais. acho que era uma tia que exagerava na dose e estragou o Amarige para mim. Quais são os outros polemicos que vc usa?

      • Acho que a pele da pessoa também tem um efeito poderoso no perfume, Dênis. Pode ser que em mim o Amarige fique mais gostoso (hahah :p). Só sei que me sinto uma mulher adulta com ele, não uma menininha.

        Nem todos os perfumes polêmicos que eu gosto, eu uso. Aliás, a maioria dos polêmicos que gosto são masculinos, como o Kouros e o Polo (Green).

        Dos femininos que eu gosto e que sei da polêmica em volta (além do Amarige): FlowerByKenzo, Gabriela Sabatini…

        Engraçado, depois que eu digitei os dois últimos nomes, me dei conta de que são perfumes até que populares. Gabriela está quase sempre entre as listas dos mais vendidos no Brasil, no entanto há multidões furiosas que simplesmente não suportam o GS nem o Flower.

        Eu acredito que os perfumes realmente polêmicos que eu tenho usado são apenas estes mesmo.

        Estou de olho no Jungle Elephant… 😀

        • jungle elephant! só cheirei uma vez e, uau, que perfume estranho. do que me lembro tem a ver com o aromatics elixir, da clinique, talvez te agrade tbm.

          os dois tem aquele pé num tempo em que o mundo era mais elegante, muito bonitos.

          • Kkkkkkkkkk… Eu ainda estou me acostumando com o Jungle, na verdade. Mas já me decidi amá-lo. Preciso daquele frasco lindíssimo aqui em casa urgentemente!

  • Joyce Pinto

    Bom dia Dênis!
    Venho acompanhado seu blog, e gosto muito do seu jeito irreverente! Adorei a resenha do Amarige!
    Realmente quando o sinto, imagino uma senhora com batom nos dentes kkkk, achei ótimo…..
    Percebi que você citou o Angel acima…Queria saber o que você acha dele!
    Por favor, fala……………….

    • Joyce, estou ensaiando essa resenha do Angel faz um tempo, vou descolar uma amostra e mandar ver. Ultimamente tenho procurado um com uma nota gorda de cacau para mim, que tem no Angel, mas não dou conta da doçura. Obrigado por acompanhar!

  • Erica

    oi parabens pelo blog!! Estou adorando…ninguem nunca descreveu tao bem um perfume como voce fez nessa resenha! Dei altas risadas pois e exatamente isso!eu particularmente acho esse perfume muito agressivo..invasivo e o interessante e que normalmente quem usa amarige…nao raro fuma…dai mistura se o cheiro do perfume com o cigarro capaz de impregnar garagens e elevadores.

    • haha! alguém que concorda com a minha ranzinzice! Erica, acho que era uma tia minha que usava — e claro que não era pouco. cresci não suportando mais. obrigado por acompanhar!

  • O perfume da minha sogra. Sem mais.

    PS: Eu adoro a minha sogra. Mas não posso dizer o mesmo sobre o perfume. rs

    • apenas. momentos marcantes com a sogra. tinha uma diretora no meu colégio que tomava banho de patchouli, a gente previa ela abrindo a porta da sala com 7 minutos de antecedência. era folclórico.

  • nilzete brito

    comprei amarige, por indicaçao da minha subrinha ,esse perfume e marcante e muito sensual ele e um feitiço adorei os elogios ja, aconteceram situaçoes, interessantes por causa desse perfume maravilhoso se o amarige, pra algumas pessoas e ruim e porque nao soube usar, perfume nao e pra tomar banho, nem usar como desodorante, e pra se perfumar com classe vai a dica, um pouquinho atras da orelha e nuca, nas dobras do antebraço, no pulso, nas dobras da batata da perna modo de usar,… vai ficar cheirosa na medida certa, atrair olhares de, ai que mulher cheirosa, outros ja se aproximam e te elogia sem vergonha ,,tipo .seu perfume e uma delicia, outros ja partem pro ataque, use amarige e solte essa diva que ta escondida ai no seu interior e aproveite …

  • Sil Vaninha

    áin, ainda amo Amarige,rsrs, mas não entendi se vc também não gosta do Poison, ou indicou o Poison no lugar o Amarige, e agora?rsrs(desculpe a ignorancia de não entender bem seu post)rsrs

    • Sil, eu amo o Poison. Digo, até amava mais — recentemente cheirei um antigo e é totalmente mais fantástico que o que está nas lojas hoje. reformularam até virar uma xerox do original. Enfim, cada um cada um, Amarige é só ele, um acorde forte, acho que é ressaca de uma tia minha que tomava banho com ele.

  • Edson Granja

    Acabei de encontrar sua resenha, e como amo perfumes, amei o site!
    E achei muito engraçada sua descrição do perfume que eu particularmente amei e comprei, rsrs
    Esses perfumes polêmicos, intensos e, pq não, cafonas, fazem muito meu tipo, os florais então mais ainda, Anais Anais, por exemplo, e mais recentemente o Amarige e o não floral, mas intenso e delicioso Belle D’Opium.

    Mas, me diz Dênis, o que você achou do Fame da Lady Gaga?

    Abraço!

    • Edson, cheirei rapidamente o Fame uma vez, lembro que era um floral frutal sem muita graça e igual a tudo. Falta bastante para ele polemizar. Anais Anais é muito bonito de um jeito mais virginal. Nessa linha floral gigante tem o Carolina Herrera Carolina Herrera que tem esse potencial cafona/anos 80 mas é lindo, Micheal Kors Woman, Juicy Couture e o clássico Loulou.

  • Keli

    Ola, gostaria de saber se o perfume Amarige, 212 Sexy e Dolcce Gabana tradicional é doce ???

  • Roberta Rocha

    Melhor resenha que já li sobre esse perfume, aos 16 anos viajei para os eUA com uma colega de quarto que virou amiga e só usava esse perfume e a única coisa que conseguia pensar era: “Como alguém tão nova usa um perfume tão forte e com cheiro desagradável desse”. Espirrava cada vez que chegava muito perto dela hahaha, mas nessa minha lista de fortes e desagradáveis estão o Anais Anais, Loulou, Lapidus, dentre outros, porém acho que só super chata com cheiros, há uns 10 anos os meus perfumes são sempre os mesmos: Chance, Jean Paul Classic, Issey Miyake e Miracle. Após descobrir o blog talvez teste alguma coisa nova.

    • Roberta, até preciso voltar pra ele e ver como parece tanto tempo depois. Tive uma tia que usava litros e virou uma questão de estômago pra mim. Mas o gosto muda, é lega ir repassando por essas coisas pra saber como está.

      • Roberta Rocha

        Reconheço de longe até hoje, ele está banido da minha lista, mas seu blog me despertou a curiosidade de experimentar alguns,,

  • Lucia Rigueiral

    Também concordo com você Dênis,não suporto o Amarige!!!

    • Lucia Rigueiral

      Realmente me reporta uma senhora com batom nos dentes e os cabelos duros de spray,haha!!Mas gosto é a opção de cada hum.

  • Francisco Antonio Guedes da Co

    Comprei para a minha esposa. ela adorou. Eu particularmente achei um ótimo perfume fragrancia classica, bem refinada, uma fixação excelente.Embora me pareceu não ter agradado tanto a minha filha seus perfumes preferidos são o La vie da lancome e o fantasy

    • Francisco, o Amarige é um perfume que detesto — tinha uma tia que tomava banho com ele. Talvez a gente concorde que não é um perfume sutil? Mas de fato tem identidade, é só ele.

      Quanto a sua filha, fica dificil pro Amarige competir com a Britney Spears, de um lado, e a doçura do La Vie, do outro.

  • Jacqueline

    Achei a resenha extremamente grosseira para uma pessoa que entende sobre perfumes. Entendo que sua tia exagerasse no perfume e isso te causou ódio dele, mas criar esteriótipos é uma coisa tão pequena pra quem sabe tanto sobre cheiros, uma pena… minha mãe usava o Amarige constantemente de forma sóbria, sem exageros e tenho muito carinho por este cheiro. Não, ela não fuma, não, ela não pinta os dentes com batom, não, ela não é escandalosa e sim, gosto muito do perfume quando usado corretamente.

    • Jacqueline, não conheço sua mãe, obviamente não estou falando dela. Estou criando uma caricatura, não um estereótipo. Do mesmo modo que vc tem carinho por ele, não consigo gostar. A gente discorda e só isso.

  • Ali Hassan Ayache

    Concordo com vc amigo, esse perfume é uma bomba olfativa.

  • Carla Souto Maior

    Eu ri muito! Amo o Amarige e sou o oposto da descrição: gosto de roupas básicas, em cores neutras, ouço música clássica, não fumo, sou vegetariana, não publico coisas pessoais no FB… Enfim, em alguma coisa eu tinha que transgredir, né? Kkkkkk BTW: sou a louca possuída dos perfumes fortes: Loulou, Samsara, Anaïs Anaïs, Poême, Trèsor, Poison…

  • Maiara

    Essa resenha do Amarige representa minha opinião, só não sabia me expressar tão bem. Amarige foi o primeiro perfume importado que conheci na vida, ainda criança. Por isso traumatizei e achava que todos fossem “intoxicantes”.